EU ACREDITO!

http://clinically-cynical.com/luffymanifesto1.gif


Em um dos episódios de One Piece, um dos melhores animes da atualidade, o pirata Monkey D. Luffy é ridicularizado por acreditar que existe uma "ilha no céu". Na taverna lotada, os piratas começam a mangar dele, caçoar, zombar e, em seguida, começam a esmurrá-lo e agredí-lo fisicamente por também acreditar que existe o "One Piece", lendário tesouro escondido do pirata Gol. D. Roger, e por nutrir o sonho de ser o "Rei dos piratas". Em nenhum momento, Luffy se mostra disposto a revidar, mas permite que os piratas no bar o machuquem e espanquem o quanto quiserem sem ao menos reclamar. Ele também ordena ao seu companheiro espadachim, Zoro, que não revide as agressões, mas se deixe espancar também.

Os piratas espancam os dois por acharem ridículo que piratas ainda acreditem em sonhos como ilhas no céu ou tesouros escondidos. Eles, primeiro, acham ridículo e engraçado, mas como a tripulação dos chapéu de palha se mostra firme em seus sonhos e convicções, eles ficam enraivecidos e começam a bater neles.

A atitude de Luffy, que termina sendo jogado para fora da taverna todo ensanguentado, causa estranhamento em Nami, navegadora do navio de Luffy. Ela sabe que seu capitão é forte e que, se quisesse, poderia ter dado uma surra nos agressores. Ela não entende porque ele simplesmente se deixa espancar e ser escorraçado do bar sem sequer protestar. Um pirata, que está do lado de fora da taverna responde por Luffy as indagações de Nami. Ele diz para Nami que homens sem sonhos não são homens, não são nada. Por fim ele aconselha: "Deixem que eles riam. Se você está em busca do pico, vai passar por batalhas que não se ganham apenas com músculos. Siga em frente!".

Este episódio, particularmente bom para mim, me fez pensar em nossa sociedade, que age da mesma forma que os piratas do bar que espancaram Luffy. Hoje, acreditar em qualquer coisa é motivo de piada e mais: é motivo de raiva e ódio naqueles que não acreditam mais em nada. Se você se mostra crédulo em algo, como por exemplo, em Deus, você vira motivo de piada para essa sociedade dominada pela "lógica" e pela desconfiança. É proibido acreditar em Deus, em conceitos absolutos, no Amor, nas pessoas ou em sonhos.

Desaprendemos a ter sonhos e ter esperança. Estamos sendo condicionados a ter os "pés no chão" da desilusão. Acreditar que "a fé é a substância das coisas esperadas, a prova das coisas não vistas" (Hebreus 11:1) é non-sense, ilógico. O Mundo (sistema maligno que governa a ideologia das pessoas não alcançadas pela Graça de Deus) diz que esse negócio de Jesus, Deus, Amor, etc. é tudo criação nossa e que não deve ser levado em consideração. Que vencer é seguir as regras da competitividade e conseguir realizar nossos desejos.

Em tempos de descrença, cabe-nos seguir a atitude de Luffy e permanecer sonhando. Sonhando com o fim das mazelas e a descida da "Ilha do céu", que traz consigo a instituição definitiva do Reino de Deus entre os homens. Nossa crença não deve, no entanto, servir para que "revidemos na mesma moeda" as agressões sofridas, nem que percamos tempo tentando explicar pela lógica deste mundo a lógica das coisas do "outro mundo". Não se pode discutir com quem não sonha, com quem não enxerga o invisível. Poderemos até ter de aguentar muitas agressões sem revidar. Isso não nos faz piores ou menos capazes mas isso indica que nossos sonhos não podem ser explicados pois não são fruto da lógica e não podem ser incutidos em ninguém, mas surgem, como o profeta Zacarias já disse: "Não por força nem por violência, mas sim pelo meu Espírito, diz o SENHOR dos Exércitos" (Zacarias 4:6b). Não se discute com os loucos que não percebem a insanidade de sua lógica racional em meio a tantas evidências ilógicas para existirmos e vivermos. Basta-nos manter nossa fé e permancer afirmando, mesmo ante aos ataques: EU ACREDITO!

Um comentário:

  1. É, Wesslen, as dificuldades e ilusões deste mundo, muitas vezes enfraquecem a nossa fé e nos faz semelhantes a esses piratas de One Piece. Mas precisamos fortalecer cada vez mais nosso espírito para que estejamos sempre firmes e preparados para responder sem titubear: EU ACREDITO! Excelente reflexão em tempos de esfriamento e desesperanças!Que possamos ser piratas diferentes, piratas que não roubam sonhos, ridicularizando-os, mas que multiplicam sonhos, alimentando nosso imaginário com aventuras além-mar!

    ResponderExcluir